Ela não obedece o meu filho

Tenho seguido alguns conselhos desta comunidade (ótima), mas a primeira coisa que tentei com uma teckel, hoje com 4 meses, foi o comando “NÃO”. Ela me obedece bem, mas quando meu filho faz o mesmo ela simplesmente não obedece e ainda fica com raiva, morde e até rosna! O que fazer?
(Solange)

É realmente mais complicado conseguir que cães obedeçam crianças, e definitivamente o comando “Não” não seria o primeiro que eu tentaria para iniciar essa obediência.
Para criar entre cão e criança uma relação de liderança, é interessante que seu filho comece a participar da rotina, primeiro. Ele pode dar uma das refeições do dia, por exemplo, cobrando do filhote um comando – senta, deita, etc – antes de dar a comida. Ué! Isso era meu... Além disso, ele pode ser responsável por treinar algum comando de obediência novo – algo simples, como dar a pata.
O filhote precisa entender que seu filho também controla os recursos dele, e, portanto, precisa ser respeitado. É como se, nesse momento, ele o enxergasse como um filhote igual a ele, e, portanto, não visse razão para atender a um comando ou bronca.
Nessa fase inicial, eu evitaria deixar a cargo do seu filho a disciplina do filhote. Se, eventualmente, o filhote rosnar para ele, deve ser imediatamente repreendido e retirado do convívio – seria interessante confiná-lo em algum lugar (banheiro, lavabo, lavanderia, etc) por pelo menos 10-15s, só sendo liberado depois que se acalmar e ficar quieto novamente.
Esse é um tipo de punição que os cães entendem facilmente, e que deixa claro que rosnados para membros da família não serão tolerados.
De qualquer forma, repito que o ideal por enquanto é evitar situações de confronto entre o filhote e a criança, preocupando-se, ao invés disso, em criar uma relação de respeito entre eles, ficando apenas os adultos encarregados da disciplina do cãozinho.

Deborah Leão

Anúncios

3 Responses to “Ela não obedece o meu filho”


  1. 1 Paula Souza 3 outubro, 2009 às 1:38 pm

    Nossa, perfeito! São dicas muito interessante, e esse é um problema que acontece muito com o meu irmão (5 anos). Adorei!

  2. 2 dream host coupon 1 março, 2011 às 10:00 am

    Wow, what a nice and informative article. Keep up the good work!

  3. 3 Giovanna 17 abril, 2017 às 12:12 pm

    Estou sozinha com meu pastor alemão faz duas semana, exceto nos fins de semana, e a uns 5 dias ele começou a rosnar baixinho algumas vezes eu chegava perto dele, agora tenho uma filhotinha a 3 dias que está isolada dele por ser muito pequena ainda e não sabermos se ele vai machuca-lá, e nesses últimos 3 dias meu cachorro começou a rosnar quando chego muito perto ou vou passar a mão nele, não chegou a mostrar os dentes mas sinto que fica querendo me empurrar para trás, e isso só comigo, ele rosnou de leve pros meus irmãos uma vez só e depois parou, e deixamos ele cheirar a filhotinha uma vez e ele não rosnou pra ela. Ele tem quase dois anos de idade e não sei mais o que fazer para ele não rosnar mais para mim, não bati nele em nenhum momento, e quando vou dar um volta no sítio ele ainda fica andando comigo normal. Obs: Ele não entra em casa.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Seja bem-vindo!

Este site é uma extensão da comunidade Dicas de Adestramento do Orkut.

Leitores online

web counter

Pesquisar

A função abaixo permite que você localize rapidamente tudo que foi publicado a respeito do termo buscado.

+

Pavê ou pacomê?

Acessos

  • 726,650 visitantes desde jan/08

%d blogueiros gostam disto: