Entrevista com Diandra Elisa

1. Olá, Diandra, quando e como você começou a adestrar cães?

Diandra Elisa Perguntinha difícil! (risos) Mas foi em meados de 2002, em um passeio diário com meu cachorro. Na época, somente um… (risos) (Hoje Diandra tem 22 cães)

Um estranho pensamento sobre me tornar adestradora me veio à mente quando notei que meu cão andava junto a mim e olhava atentamente os meus passos. Eu havia condicionado meu primeiro cão a seguir as minhas "ordens" de uma maneira tão natural que eu nem sequer havia percebido. Comecei a estudar muito e me atualizar, conversei com muitos adestradores brasileiros e do exterior, que me deram algumas dicas para ir começando. Eu peguei o gosto pela coisa e hoje estou aqui!

2. Tem algum tipo de formação especializada como adestrador?

Gosto muito da psicologia canina, comunicação gestual e observação de sinais em cães. Gosto de aliar isso na correção comportamental e tenho bons resultados.
Eu diria que minha especialidade é observar os sinais que o cão está passando para descobrir o que há de errado, como, por exemplo, quando o cão está sendo bagunceiro, etc.

Cursos Realizados:
Adestramento Básico de Cães pela EducaCão do RS.
Psicologia e Cães pela Instituição Animal del Uruguay.
Adestramento Positivo pela Cão Cidadão.
Terapia e Aprendizado pela Adestracão.

3. Você utiliza o adestramento com clicker?

Sim, utilizo! O clicker é uma ferramente de estímulo positivo íncrivel e sempre obtenho resultados ótimos com o uso do mesmo. É um aliado para todas as horas!

4. Quais outros métodos utiliza?

Para cães que são do estilo "esquilo!", nem o clicker costuma chamar a atenção dos mesmos, por isso procuro tentar a atenção do cão com artimanhas que ele goste, usando algum brinquedo ou gratificação que ele realmente goste! Utilizo muito o reforço positivo verbal e o gestual! Sintonia com o cão é muito importante.

5. Na sua opinião, qual a maior vantagem do adestramento?
…para as pessoas?

Acho que ter um cão socializado e obediente hoje em dia é necessário. Na sociedade que temos é importante que o cãozinho saiba se portar nas diversas situações com seu dono. O adestramento proporciona isso, acho que esta é a maior vantagem para as pessoas.

…e para os cachorros?

Adestramento é diversão, atenção, carinho e brincadeira, que aliados com uma boa forma de interação se transformam em um cão obediente e socializado! Acredito que a maior vantagem para os cães seja a maior interação que ele terá com os donos, pois poderá interagir de diferentes maneiras, como realizar um truque, sem destruir um móvel ou comer um sapato. (risos)

6. O que costuma levar as pessoas às suas aulas?

A maioria das pessoas busca consultoria de como agir em diferentes situações com os cães, como se portar diante deles. A pergunta mais freqüente é: "O que eu faço quando…?".
Minhas aulas são em domicílio e isso é mais um ponto que faz com que os donos me procurem: comodidade para o cão e para ele.

7. É verdade que algumas raças ou temperamentos de cães respondem melhor ao adestramento?

Nunca tive uma experiência que realmente comprovasse isso. Mas a verdade é que são os donos que respondem melhor ao adestramento. (risos)

8. O que gostaria que as pessoas soubessem sobre o adestramento?

O adestramento é a chave para um bom relacionamento com os cães e o dono que puder proporcionar isso ao seu cão estará lhe presenteando com algumas boas horas de lazer e aprendizado.

9. Gostaria de acrescentar mais algum comentário?

Apenas agradecer a oportunidade de entrevista e dizer que estou à disposição para qualquer dúvida ou informação. Obrigada.

Diandra Elisa
Caxias do Sul, Rio Grande do Sul
(54) 3533-5390/9174-7104
E-mail: diandra@hidog.com.br

Anúncios

4 Responses to “Entrevista com Diandra Elisa”


  1. 1 tiago kruger 22 novembro, 2009 às 4:10 pm

    uma coisa minha cadelinha ela so que ir no meu colo quando eu a levo para passeiar. O que eu fasso para que ela ande no chão

  2. 2 tiago kruger 22 novembro, 2009 às 4:11 pm

    uma coisa minha cadelinha ela so que ir no meu colo quando eu a levo para passeiar. O que eu fasso para que ela ande no chão

    me achude a ressover isso por favor.

  3. 3 roberta 16 julho, 2011 às 12:05 pm

    minha cachorrinha tem 10 meses?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Seja bem-vindo!

Este site é uma extensão da comunidade Dicas de Adestramento do Orkut.

Leitores online

web counter

Pesquisar

A função abaixo permite que você localize rapidamente tudo que foi publicado a respeito do termo buscado.

+

Pavê ou pacomê?

Acessos

  • 726,650 visitantes desde jan/08

%d blogueiros gostam disto: